Confecção 4.0


O SENAI São Paulo abre as portas da Indústria 4.0 para o setor Têxtil e de Confecção, com uma planta industrial conceito capaz de confeccionar, em poucos minutos, uma camiseta customizada pelo usuário em uma linha de produção totalmente automatizada e robotizada, sem qualquer interferência humana. 


 

A planta piloto está instalada no Instituto SENAI de Tecnologia Têxtil, Moda e Confecção, localizado na Escola SENAI “Francisco Matarazzo”, no Brás, em São Paulo, que desenvolveu o projeto de forma conjunta com o Instituto SENAI de Tecnologia Metalmecânica da Escola SENAI “Armando de Arruda Pereira”, de São Caetano do Sul. 

O conceito de manufatura avançada, ou Indústria 4.0, é formado por um conjunto de tecnologias integradas e habilitadoras que possibilita que as linhas de produção sejam ágeis e atendam o consumidor final de maneira personalizada. 

O projeto também está inserido no conceito de OpenLab, um espaço de inovação dedicado a Indústria e a estudantes. Com infraestrutura altamente tecnológica, o laboratório possibilita o desenvolvimento de provas de conceito, validação de tecnologias e testes de forma colaborativa, voltado ao ecossistema Têxtil e de Confecção. Desenvolvido pelo SENAI São Paulo com apoio institucional e tecnológico de grandes empresas nacionais e multinacionais, o objetivo do OpenLab é acelerar o desenvolvimento de soluções avançadas, com foco no aumento da eficiências e segurança em processos produtivos.

linha de produção da Confecção 4.0 inicia com o Espelho Virtual, uma solução interativa para a solicitação do produto. O cliente se cadastra em uma plataforma de compras, recebe um QR Code para a retirada do pedido e interage com um avatarpara definir o tamanho da camiseta, escolher entre diversas opções de estampas e, ao final, inserir sua assinatura. A partir daí toda a produção é automatizada: uma impressora digital imprime a estampa sobre o tecido, que depois é transportado por uma esteira até o flash cure para realizar a fixação; na sequência, uma máquina de corte CNC realiza o corte do camiseta com precisão, que é dobrada ao meio pelas Smart Needle se posicionada para retirada do próximo módulo; um manipulador retira a camiseta sobre a máquina de corte e a posiciona em cima de uma Smart Table, na sequência um robô industrial realiza a operação de costura na máquina overloque. No final da linha, o cliente apresenta o QR Code recebido no seu smartphone, via e-mail, para a retirada do seu pedido, e interage com um robô colaborativo que embala e entrega em suas mãos o produto final. 

O projeto é integrado pelos mais modernos sistemas de gerenciamento e controle como ERP (gestão empresarial), MES (gestão da manufatura) e uma plataforma de manutenção inteligente que integra sinais analógicos e digitais com IIoT (Internet Industrial das Coisas), trata as informações na nuvem com inteligência artificial e comunicação M2M (machine-to-machine). Além disso, conta com sistema de medição e gerenciamento de energia, tecnologia de realidade aumentada e de cyber security. 

Toda a tecnologia empregada é resultado da parceria com as empresas Audaces, Elipse Software, Furukawa Electric, Igus, Inèdit, Mimaki, Ókea, Omron, Rhodia Solvay Group, Schneider Electric, SMC, Sun Special, TOTVS e Yaskawa Monotan Robotics. O projeto também conta com o apoio institucional da ABIT, ABIMAQ, Sinditêxtil e Sindivestuário. 


 Visite o site do projeto e agende uma visita pelo formulário de contato: 

www.confeccao40.com.br

 

Instituto SENAI de Tecnologia Têxtil, Moda e Confecção

(11) 3312-3550 – senaitextil@sp.senai.br

Rua Correia de Andrade, 232, Brás, São Paulo/SP

 

Confecção 4.0 Parceiros